Borbulhas nas nádegas, porque é que aparecem?

26 Maio, 2022
Compartir Compartir en facebook Compartir en twitter

Uma das queixas mais comuns entre homens e mulheres são as borbulhas nas nádegas. As pessoas que mais sofrem com estas são as que permanecem sentadas durante longas horas, seja para estudar ou para trabalhar. Além de serem desagradáveis e poderem ser um problema no verão. Mas não se preocupe, vamos tratar as causas mais comuns desta condição, e ver como evitá-las. Tome nota!

As causas das borbulhas nas nádegas

Esta condição da pele não é apenas típica da adolescência, pode aparecer a qualquer altura. Algumas das causas são as seguintes:

  • As lesões da pele nas nádegas apresentam-se geralmente como borbulhas. Esta área tem uma abundância de unidades foliculares que também contêm glândulas sebáceas. Esta união de cabelo e sebo torna esta área propensa à formação de borbulhas quando outros fatores externos são adicionados.
  • As unidades foliculares, mesmo aquelas que não são visíveis a olho nu, podem infetar devido ao tipo de roupa que se use, se é mais ou menos transpirável; quanto menos transpirável, pior.
  • O grau de transpiração também será fundamental, uma vez que a humidade favorece o crescimento bacteriano e a infeção.
  • Outro fator pode ser a presença de uma bactéria chamada Pseudomonas, que se encontra normalmente quem frequenta piscinas ou jacúzi, e que estão em contacto com água contaminada ou pouco clorada. Estas bactérias crescem em áreas húmidas, e em soluções antissépticas com prazo expirado.
  • Pessoas com dermatite atópica.
  • Excesso de peso e obesidade.
  • Barbear.
  • Cremes gordos.

Que tipo de borbulhas nas nádegas existem?

Na maioria das vezes, estas lesões correspondem a ou são classificadas em:

  • Foliculite: pode manifestar-se como borbulhas vermelhas sem cabeça ou pápulas eritematosas.
  • Queratose pilar: são tampões de queratina na abertura do folículo. Pode parecer “pele de galinha” e apresentar rubor. A queratina no cabelo bloqueia o poro resultando numa protuberância.

Não esquecer que esta informação é apenas um guia, deve sempre consultar um dermatologista para um diagnóstico claro e preciso.

Como prevenir e eliminar as borbulhas nas nádegas?

O primeiro conselho é nunca mexer nas borbulhas, pois isto pode ser prejudicial e provocar infeção, pelo que é aconselhável consultar um dermatologista para examinar a área.

Aqui ficam algumas dicas sobre como prevenir e eliminar borbulhas nas nádegas:

  • Utilizar roupa interior transpirável feita de algodão, e usar roupa folgada. Isto evita a fricção por peças de vestuário apertadas e com permeabilidade à transpiração insuficiente.
  • Use sabão neutro na sua higiene diária e tente manter os duches curtos e secar bem a área afetada.
  • Se tiver excesso de peso, uma dieta correta influência o aspeto da pele, e este pode ser um indicador de que a sua dieta é inadequada.
  • Se o seu problema tem origem na depilação tradicional, é altura de mudar para a depilação a laser, a melhor opção.
  • Recomenda-se que deixe de usar luvas de crina de cavalo na área afetada, ou cremes ou produtos para a acne, pois tendem a secar a pele e podem causar danos adicionais na pele das nádegas.

Os tratamentos dermoestéticos com plataformas como Harmony XL Pro e Harmony XL Pro Special Edition ou Alma-Q são muito eficazes no tratamento deste tipo de lesões.

Se precisar de mais informações sobre os nossos produtos, não hesite em contactar-nos. Preencha o formulário desta página e informá-lo-emos sem compromisso. Não se esqueça de nos seguir no Instagram e Facebook!